sábado, 22 de setembro de 2007

Imprevistos

Nem de longe sou a pessoa mais organizada do mundo, muito menos metódica. Mas quando marco um compromisso gosto de cumprir, a não ser que algum imprevisto me impeça, dificilmente falho aos meus encontros. Mas ser derrubada por uma dor de cabeça é um saco, principalmente para mim, que não tomo remédios desnecessariamente. Estava de manhã com o super Adão no msn e já reclamando da dor de cabeça.

Ontem, minha mãe perguntou se eu não gostaria de ir para nossa casa em Araruama. Respondi que não podia porque já havia agendado um encontro. Resultado: nem a viagem e nem o encontro.

AP e Fabi, prometo que pelo menos o nosso teatro sairá...desculpa meninas! Esqueci de falar para as meninas que havia um show do Geraldo Azevedo, no Circo Voador...ahhhhhhhh...amo Geraldo Azevedo!

Ah! Essa música. Me lembra uma cidade, uma praia, uma cachoeira, céu sem estrelas cadentes, um cara ao violão tocando e outro cara deitado no colo cantando desafinadamente. Essa música é linda! Uma bela declaração de amor...



Dia Branco
(Geraldo Azevedo e Renato Rocha)
Se você vier
Pro que der e vier comigo
Eu lhe prometo o sol
Se hoje o sol sair
Ou a chuva
Se a chuva cair

Se você vier
Até onde a gente chegar
Numa praça na beira do mar
Num pedaço de qualquer lugar
Nesse dia branco

Se branco ele for
Esse tanto esse canto de amor
Se você quiser e vier
Pro que der e vier comigo


Meninas! Carpe Omnium...pois somente agora a teimosa se rendeu à Neosaldina.


Get this widget | Track details |eSnips Social DNA



13 comentários:

Pedro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro disse...

É verdade. Você adora essa música não é mesmo?
Com certeza não era eu deitado em um certo colo, mas é definitivamente é a única música que você sempre pede para tocar quando estamos numa rodinha de violão.
Querida! Imprevistos acontecem, sempre! É melhor ficar em casa com uma dor de cabeça, do que sair e não aproveitar a noite por causa de uma dor de cabeça insistente.

Beijão

butterfly.¸.•*ੴ disse...

obrigada pela visita...
q delicia o seu blog tbm...
bjos d borboleta

Poliedro disse...

Querida Amiga Beth:
Uma dor de cabeça intensa provoca dissabores e coarta a normal aptidão para a vida.
Coisas que acontecem.
No entanto, a poesia que expressa é uma excelente escolha que vai de encontro a uma excelente pessoa que você é.
Espero que passe rapidamente porque o seu talento e a magia do seu eu são dotados de uma espectacular sensibilidade e alegria de ser.
Lê-la-ei sempre. Sim! Com encanto e admiração.
Bem-Haja, pelo que é.
Beijos de estima
pena

Tem talento, sabe?

Osc@r Luiz disse...

Hummmm...
Show do Geraldo Azevedo: belíssima pedida!
Melhoras pra sua dor de cabeça, querida, e uma boa Primavera pra você!
Beijo!

Anônimo disse...

- Uma dor de cabeça.
- Um compromisso desfeito.
- Uma música.
- Momentos.
- Uma saudade.

Uma saudade que é reciproca. E
uma vida atormentada e entrestecida por causa de sua ausência.

Anônimo disse...

Direi para ele: passa no blog dela e ouça uma música. A música de que eu toquei e você cantou para ela.
advinhou quem é o ser anônimo?

Vinicius disse...

nossa eu tbm acordei com dor de cabeça hoje...
mas o meu caso é de bebida ..

e ser organizado.. eu sou o cara mais desorganizado da face da terra rs..

Paulinha disse...

Obrigada pela visita! ;)
As melhoras dessa dor de cabeça. beijo

Tatá disse...

Amiga, tbem sou assim: quando assumo compromissos, gosto de ser fiel sempre. Sigo as regras sempre a risca!
Fiquei feliz em chegar aqui e me deparar com Geraldo.
Hum, Dia Branco é uma música repleta de encanto e deslumbres. Viajo nela, sabia?
Beijo grande e melhoras pela dor de cabeça.

luma disse...

Eu nunca senti essa dor de cabeça, mas conheço muita gente que tem!! Melhor mesmo não se entupir de remédios, eles são cumulativos e criam vícios. Estou para falar sobre esse assunto, mas se interessa saiu uma matéria interessante no "O Globo" do último Domingo.
Gostei do comentário que fez no "Luz" - enriqueceu e muito a discussão sobre o assunto - eu olhei o outro lado da questão e alguns conselhos passei para a família, o que resultou na troca de advogado. Obrigada^^ !!
Que sua dor de cabeça não volte!! Boa semana! Beijus

Adão Braga disse...

Mulher e dor de cabeça... união estável e duradoura...

Porém, só para dizer uma coisa... essa música é muito boa... sei que hoje, sua cabeça não está doendo, não como cefaléia, mas pelo texto posterior... ha ha ha

Um cheiro...

Beth disse...

Pedrinho meu querido = essa música é lindissima e já pedi até para tirarem a cifra dela.

Vinicius = quando bebo, no dia seguinte sou um verdadeiro estrago de mulher. Dores de cabeça alcoolicas são algo assim sem comentários.

Tatá = acontece os compromissos serem desfeitos - normal. E pode deixar nada que uma boa neosaldina não resolva. Afinal ou eu cedia ou ela continuava.

Adão = engraçado que hoje não senti dor de cabeça. Vê como a força das palavras resolve.

Luma = você não sabe o quanto fiquei feliz com o seu coment. Nossa! Preciso urgentemente retornar à faculdade e começar um novo ciclo de crença na Justiça. Obrigada sou eu que digo, pois foi bom exercitar esse meu lado acadêmico.

Anônimo = nem faça isso. Tudo passa .... inclusive os momentos.