sexta-feira, 20 de julho de 2007

Amigo é ...


Dizem que hoje é dia da amizade, dia 20 de julho, mas como não sou ligada muito nessas coisas de datas, principalmente naqueles casos em que não deveriam ser lembradas comercialmente. Já pensaram nisso? Alguns só se lembram das mães no dia das mães, outros dos pais no dia dos pais. Outros então, pior ainda, só se lembram de Deus, no Natal ou no Reveillon com suas promessas nem sempre cumpridas. Em verdade vos digo - já disse o profeta - acho tudo isso muito brega. Na mais pura verdade, acho horrivel essa forma de sentimentos que parecem ser vendáveis. Minha familia, meus amigos, meu amor, minha fé valem muito mais do que uma blusa, um perfume, uma passagem de avião, um vôo de asa-delta.

Que coisa horrivel mocinha - andas muito chata. E dai? Ando chatinha mesmo! Mas meus sentimentos não são vendáveis e ponto final.

Portanto, com a grande colaboração do meu amigo Marcos Grama - futuro presidente do STF (como ele está dizendo) - revogo esta data em meu coração - pois para meus amigos, tão somente meus amigos, reais ou virtuais, eu sempre digo e sempre direi TE AMO todos os dias e um muito OBRIGADA por ser meu amigo.

Bom seria que todos chegassem a envelhecer e tivessem a certeza de que teria um amigo para jogar cartas ou damas na praça do bairro ou fazer um simples companhia à igreja todos os dias na orações matinais do terço.


5 comentários:

Julie disse...

É sempre muito estranho uma relaçao virtual, porque me faz cultivar algo que no real eu tenho pleno dominio...a ansiedade...a paciencia...da sapiencia...

Você me faz sentir vontade
De teclar e lhe dizer:
Amigo... Sinto falta de você! (BETH)

Nao é estranho? Ou estou viajando?
Se estou nao quero sair dessa trip...
Bjsss

Cadinho RoCo disse...

Quando escrevemos simplesmente o que sentimos, o texto flui que é uma beleza.
Cadinho RoCo

Adão Braga disse...

Beth, eu amo minha vida. E hoje, sei que não preciso de nenhum complemento receitado por algum especialista, ou seja, não preciso de nenhum tarja preta.. não estou louco, nem esquisofrênico, ou qualquer outra alucinação pessoal. É real, e não há quem diga que o amor, a admiração, a preocupação que sinto por cada pessoa que apenas vejo aqui, atraves deste monitor, e destas conexões não podem ser consideradas amigos, amigas, e reais. Por fim, fui simplesmente devorado, e para ser sincero: Eu gostei! Eu gosto!

Sir DoRego disse...

amigos...virtuais reais...temos que ter e manter doa a quem doer...os amigos nossos de cada dia que nos fazem ter consciencia de nossas vidas ...viva o que aqui eu li viva a revogação do dia dos amigos, pois todos os dias precisamos deles, todos os dias nos lembramos deles e todos os dias são os dias todos que não podem ser resumidos há um apenas.
saudações sinceras

Pedro disse...

Abaixo o dia do amigo. Ele tem que ser comemorado todos os dias e infinitamente todos os dias.
Beijão minha amiga querida e linda